Novidades

O número de acidentes envolvendo a carga e descarga de equipamentos no país chama atenção para um fato: a falta de preparo dos profissionais envolvidos nesta atividade.

As Plataforma de Trabalho Aéreo (PTA) estão entre os equipamentos envolvidos em alguns dos acidentes registrados durante a carga ou descarga. Geralmente, os profissionais envolvidos nesta operação são os motoristas. Em empresas onde existe estrutura organizacional de recebimento e expedição, encontramos também os conferentes e outros profissionais relacionados no momento do carregamento e descarregamento da PTA.

Além desses, que estão diretamente envolvidos na operação do equipamento no momento da carga e da descarga, também encontramos outros profissionais indiretamente envolvidos, como técnicos de segurança, encarregados e inspetores.

Entre os principais perigos na atividade de carga e descarga de PTA, o diretor técnico da RRQualifica, Roland Robert Colombari, destaca a utilização de caminhão inadequado.  “É bastante comum vermos caminhões com capacidade inferior a necessária no transporte de plataformas elevatórias, levando a ocorrência de vários acidentes”. “Para o transporte seguro de tesouras elétricas e equipamentos articulados até 15 metros de altura de trabalho, por exemplo, é recomendado o uso de caminhão plataforma, aquele utilizado pelas seguradoras para a retirada de veículos das vias”, explica Colombari.

Por isso, é importante observar as especificações do caminhão, como tara, torque e dimensões e as características do equipamento, como peso bruto, dimensões e condições de estabilidade. Também é importante fazer a correta distribuição da carga para evitar sobrecarregar um dos eixos do caminhão.

“Outra questão importantíssima é o método de carregamento e descarregamento, que na grande maioria das vezes é ignorada pelos motoristas. Por exemplo: a PTA pode ser carregada através de uma doca de carregamento e descarregada diretamente no solo. Se o caminhão escolhido não tiver o recurso de bascular e estender a rampa para descarga, então o equipamento não poderá ser entregue com segurança”, alerta Roland.

Treinamento evita acidentes

É fundamental que o profissional que realiza a operação de carga e de descarga de uma PTA saiba fazer isto de forma segura. Além do treinamento de operação de plataforma elevatória, este profissional também tem que saber avaliar toda a atividade de carregamento e descarregamento, como também avaliar se o caminhão, seus acessórios e o local estão adequados.

Carga e Descarga de PTA é um dos treinamentos oferecidos pela RRQualifica. O curso tem duração de 8 horas com parte teórica e prática. Para maiores informações ligue para (19)3342.4224.